BrasilEsporteFeaturedMundo

Acertado com a CBF, Carlo Ancelotti ainda não discutiu salários com a entidade

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) já tem um acerto com Carlo Ancelotti, mas a chegada do técnico italiano é dada como certa baseada em reuniões e conversas. Apesar do desejo mútuo em selar a contratação, as partes ainda não discutiram salários e termos do contrato.

Carlo Ancelotti tem contrato com o Real Madrid por mais um ano, com custo que supera os R$ 40 milhões por temporada. Segundo o ge.globo, o salário do treinador é de €7.5 milhões livres de impostos por temporada, sem incluir na conta os gastos com a comissão técnica.

A forma de pagamento é diferente da que se está habituado no Brasil: são duas parcelas anuais, uma em julho e outra em dezembro. Na cotação atual, o montante exclusivo para o treinador italiano está na casa de R$ 39,35 milhões. Cabe ao empregador, por sua vez, o acréscimo fiscal – cerca de 24% para profissionais estrangeiros na Espanha.

Se adaptada para a realidade brasileira, com 12 meses de remuneração e 13º, o salário superaria a casa dos R$ 3 milhões por mês apenas para o técnico. Último comandante da Seleção, Tite recebia valor que não chegava a R$ 1 milhão, a nível de comparação.

Estes valores são baseados no que Ancelotti tem de realidade no Real Madrid. A CBF trata o tema como algo simples de ser resolvido e que não impacta na confiança do acerto. No entanto, os detalhes contratuais, entre eles o salário, ainda não entraram em pauta.

 

 

(Varela Net).

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar