Covid-19FeaturedPolicialSaúde

Biomédica baiana participa de estudo de vacina contra Covid-19 em Oxford, na Inglaterra

Um dos estudos que busca uma vacina contra a Covid-19 conta com a contribuição de uma biomédica baiana. Trata-se da pesquisa feita pela Universidade de Oxford, na Inglaterra, que já aplicou testes em 10 mil voluntários no Reino Unido.

“Eu, como brasileira, também tenho muito orgulho de estar aqui, fazendo parte dessa equipe, para poder representar a minha pátria”, diz Alessandra Silva Coley, nascida em Jacobina.

A vacina estudada pela biomédica chega, neste mês de junho, à sua terceira fase: vai realizar testes em dois mil brasileiros no Rio de Janeiro e em São Paulo. O Brasil é o primeiro país fora do Reino Unido a começar a testar a eficácia da imunização contra o Sars-CoV-2.

Imagem Meramente Ilustrativa: Reprodução Internet
“O objetivo, nesta fase, é só testar se, de fato, essa vacina é segura e que não vai causar nenhum efeito que, na verdade, seja pior do que o vírus. Então, a partir daí, é possível determinar qual é a melhor dose a ser dada e, agora na fase três, é a fase em que essa vacina é testada numa escala muito maior, num grupo de milhares de pessoas”, conta Alessandra.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar