Policial

“Eu achei que fosse bomba”, diz mulher que viu menina ser morta durante votação em Mussurunga

A pequena Ananda Luiza Costa Argolo, de 4 anos, foi morta por bala perdida enquanto acompanhava a mãe em votação. Mais duas pessoas foram baleadas

Ananda Luiza Costa Argolo, 4 anos, morreu após se baleada por volt de 12h do último domingo (5), em Mussurunga I. A menina estava a caminho da Escola Técnica Estadual Newton Sucupira, onde a mãe iria votar, quando foi atingida nas costas por uma bala perdida.

Segundo populares, um homem ainda não identificado sacou uma arma em meio à multidão e disparou várias vezes contra outro homem. Claudionor Rodrigues Moreira, 24, foi atingido em várias partes do corpo. Houve correria e empurra-empurra no momento do crime, que aconteceu nos fundos da escola.

“Eram dois homens, mas só um deles atirou no rapaz. Ele perdeu o controle da arma. Disparou umas dez vezes”, contou Gilson Lopes, testemunha do crime, explicando a origem da bala que atingiu a criança. A namorada de Claudionor, Tamires Freitas de Jesus, 21, foi baleada na perna e na barriga.

O Hospital Geral Menandro de Farias, para onde eles foram encaminhados, não informou o estado de saúde do casal. Já Ananda não resistiu aos ferimentos.

“Eu ouvi um ‘pá pá’, achei que fosse bomba. Não dei importância. Quando virei, já estava o pessoal correndo. Foi aí que vi que era tiro. Só vi o cara atirando em cima do outro. Ali era queima de arquivo”, afirmou a autônoma Isabela Cristina dos Santos, 46, que vendia cerveja no local na hora do crime.

Marcas de sangue foram encontradas no chão da rua. Um dos tiros chegou a atingir o portão da casa do aposentado Edmar Trindade, 83. “Foi aqui bem em frente. Eu estava dentro de casa quando ouvi os tiros. Quando abri a porta, não ouvi mais nada. Mas estava todo mundo gritando aí fora”, relatou Edmar.

Segundo os moradores, a criança foi socorrida por uma viatura da Polícia Militar e o casal foi levado para o hospital por populares. O corpo da menina foi encaminhado para o Instituto Médico-Legal Nina Rodrigues no final da noite de ontem (5).

O enterro de Ananda Luiza será nesta segunda-feira (6) no cemitério Bosque da Paz, às 17h. Policiais da 12ª Delegacia (Itapuã) informaram que o caso será investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na Pituba.

Fonte: CORREIO Foto: divulgação

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar