Policial

Sobe para cinco o número de mortos em ataque na Ilha de Itaparica

Edna Maria, 77 anos, era uma das duas sobreviventes numa ação em que seis pessoas foram baleadas em Mar Grand

Uma das duas sobreviventes da tragédia na terça-feira, em que seis pessoas foram baleadas em Mar Grande, na Ilha de Itaparica, Edna Maria de Santana Senna, 77 anos, morreu na noite desta quarta-feira, no Hospital Geral de Santo Antônio de Jesus. Inicialmente, ela foi atendida no Hospital Geral de Itaparica (HGI), onde chegou com duas perfurações no abdômen, mas precisou ser transferida devido à gravidade.

“Edna Maria faleceu às 23h35. A família tinha esperança na recuperação dela. Ontem (quarta-feira), as filhas de Edna, Jussuara e Jocilene, que morreram no dia do crime, foram enterradas. Não há como mensurar a dor desta família”, declarou o delegado Geovane Paranhos, titular da 24ª Delegacia (Vera Cruz). Não há informações sobre o enterro da idosa.

A neta dela, Flávia Luiza Senna Sacramento, 27 anos, continua internada no HGI. “Como ela foi atingida nas pernas, não corre risco de morrer. Aguardamos a recuperação dela para que possamos ouvi-la. No total, sete pessoas, entre parentes e vizinhos, já prestaram depoimento”, disse o delegado.

Edna e a neta foram baleadas pelo sargento aposentado da Polícia Militar Itamar da Conceição Leal. Além delas, ele atirou nas filhas de Edna, Jussara Clementina Senna Sacramento, 50, e Jocilene Santana Senna, 46, que morreram no dia do ataque.

O sargento e o filho dele, Ian Cardin Leal, 26, tinham como alvo o pescador Uanderson Senna dos Santos, 30, neto de Edna Maria, que na hora do crime, não estava reunido com a família. O motivo dos ataques de terça-feira foi o fato de Uanderson ter evitado que Ian ateasse fogo na mulher durante uma briga há uma semana.

Depois que o sargento atirou nas mulheres, Ian, numa circunstância ainda não esclarecida pela polícia, usou a arma do próprio pai, uma pistola ponto 40, para matá-lo e depois atirou contra a própria cabeça. Correio da Bahia

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar