BahiaBrasilCidadeFeatured

‘Mais procurado da Bahia’: traficante fez a própria mulher refém antes de morrer

O traficante Denivaldo Rocha Santos, conhecido como ‘Mancha’, fez a própria mulher refém antes de ser morto em uma troca de tiros com policiais civis na manhã de quinta-feira (27). Os agentes localizaram o criminoso no bairro Pero Vaz, onde ele estava escondido.

De acordo com o delegado Odair Carneiro, do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), Mancha estava na casa de um parente com sua esposa, quando foi surpreendido pelos policiais.

O traficante era considerado um homem bastante “perigoso” e era apontado como autor de 30 a 40 homicídios. Entre os crimes mais chocantes cometidos sob seu comando está o ataque em Tancredo Neves que acabou com sete adultos e três crianças baleadas.

 

 

(Varela Net).

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar