BahiaBrasilCidadeFeatured

Reconhecimento facial alcança o número de 600 foragidos localizados na Bahia

O Sistema de Reconhecimento Facial da Secretaria da Segurança Pública da Bahia chegou a marca de 600 foragidos localizados e presos na manhã desta quarta-feira (25), após a captura de um homem procurado por homicídio.

Procurados por homicídios, assaltos e tráfico de drogas são os mais capturados pelo sistema. Entre os 600 localizados estão 222 assaltantes, 113 homicidas, 106 traficantes, 20 procurados por estupro de vulnerável, três foragidos por feminicídio e tentativa de feminicídio, além de foragidos por violência doméstica e descumprimento de medida protetiva de urgência, associação, organização criminosa e associação para o tráfico, latrocínio, falsificação, furto, extorsão, estelionato, lesão corporal, ameaça, atentado violento ao pudor, ocultação de cadáver, porte ilegal de arma de fogo, sequestro, receptação e violação de domicílio.

As prisões aconteceram em Salvador, Região Metropolitana, Vitória da Conquista, Porto Seguro, Eunápolis, Feira de Santana, Alagoinhas, Barreiras, Brumado, Camaçari, Candeias, Conceição do Coité, Dias D’Ávila, Ibotirama, Itaberaba, Itabuna, Itaparica, Itapebi, Jequié, Juazeiro, Luís Eduardo Magalhães, Paulo Afonso, Salinas da Margarida, Santo Antônio de Jesus, São Francisco do Conde, São Sebastião do Passé, Valença e Vera Cruz.

A tecnologia foi implantada no estado em 2018 e está em expansão na capital baiana e em outros 77 municípios do interior da Bahia e da Região Metropolitana de Salvador (RMS). O sistema fez a primeira captura no Carnaval de 2019.

 

(Varela Net).

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar