BahiaBrasilEsporteFeatured

Cauly promete dedicação e diz que Bahia está focado no mata-mata do Baianão

O meio-campista Cauly Oliveira fará seu primeiro jogo pelo Bahia no Campeonato Baiano. Desde quando ele foi contratado, o Tricolor utilizou times alternativos no estadual, mas o camisa 8 diz que agora o foco é total na semifinal contra o Itabuna. Ele afirma que o elenco está confiante e que buscará voltar a ser campeão do certame após dois anos fora da final.

“Focado, quando tem muitos jogos assim, a gente tem que se preparar mentalmente muito rápido já para o próximo jogo, e estamos focados. Eu estou feliz por poder atuar nesse campeonato, e, com certeza, vamos atrás do título. Claro que temos que olhar passo a passo. Primeiro, temos dois jogos pela frente, temos que ganhar, e é isso. Estou muito feliz que é perto de onde nasci, é isso. Vamos focar, vamos preparados e com confiança para ganhar”, disse o jogador.

Com chances remotas de classificação às quartas de final da Copa do Nordeste, o Bahia vive instabilidade na temporada. Cauly concorda com as cobranças feitas por torcedores e promete dedicação.

“A torcida está certa em cobrar, a gente sabe disso, que temos que evoluir, melhorar, mas estamos aqui para trabalhar. Acredito que, como falei, ninguém entra em campo, joga futebol, para não ganhar, para não correr. Esse espírito tem que estar em cada jogador, de correr, de ganhar. De vez em quando, é difícil explicar o porquê, e também temos essa cobrança entre nós, mas é trabalhar e se dedicar o máximo possível para estar preparado em cada situação. Cada jogo escreve a sua própria história”, pontuou.

Contratado para aumentar o leque de opções no setor criativo do Esquadrão, o meia diz não ter problemas em atuar tanto mais próximo do centroavante, quanto mais recuado, mais perto dos volantes.

“Eu, como jogador, não importa muito a formação. Depende do treinador, do clube. E a gente tenta adaptar nas formações de jogo que o treinador quer passar. Me sinto bem no meio-campo ofensivamente, em todas as posições. Quando é 4-3-3 sem meia, sem 10, também me sinto bem como oito. É adaptação”, garantiu.

O Bahia visita o Itabuna, no sábado (11), pelo jogo de ida da semifinal do Campeonato Baiano. A partida tem início às 16h, no estádio Antônio Elias Ribeiro, em Camacan.

 

 

(Varela Net).

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar