Saúde e Bem Estar

HRSAJ tem profissionais infectados pela Covid-19, diz diretor

Dr. Antônio Carlos Assunção Neto, diretor do HRSAJ, informou, em entrevista à rádio Recôncavo FM na manhã desta quarta-feira 28, que há profissionais de saúde da unidade infectados com o novo coronavírus. De acordo com o médico, a identificação foi rápida e todos estão com sintomas leves, não havendo necessidade de hospitalização.

Na oportunidade, o médico ainda falou sobre os equipamentos de proteção usados pelos funcionários que trabalham diretamente com pacientes infectados com a Covid-19. Ele disse que todos os funcionários estão trabalhando equipados com EPI’S (Equipamentos de Proteção Individual) necessários e lembrou  que o Hospital já recebeu pacientes com Covid-19 em situação bastante grave, precisando até mesm

o de ventilação mecânica, mas que a unidade está preparada para isso.

O Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) e o Conselho Internacional de Enfermeiros (ICN, sigla em inglês) afirmam que o Brasil é o país com mais mortes de enfermeiros e profissionais de saúde devido à pandemia por Covid-19.

De acordo com o Cofen, são 157 mortes de profissionais de enfermagem, sendo que, nesta quarta-feira (27), já foram confirmadas mais vítimas que ainda serão contabilizadas até o final do dia. O ICN informa que o país tem um número de mortes entre enfermeiros maior que o dos Estados Unidos, com 146 óbitos, e que o do Reino Unido, com 77. As informações são do G1.

De acordo com o G1, o conselho brasileiro também diz que a tendência, com base nos dados nacionais, ainda é de crescimento no número de mortes na área.”Não é possível prever [a estimativa total], neste momento, pois a disseminação do vírus entre os profissionais de saúde depende, principalmente, da d

isseminação na população em geral. Além disso, fatores como afastamento ou não de profissionais integrantes de grupos de risco, adequação do fornecimento de Equipamentos de Proteção Individuais (EPIs) e correta observação dos protocolos de prevenção podem influenciar nos óbitos entre os profissionais de Saúde”, disse a entidade.

Números do Cofen no Brasil:

  • 157 óbitos de profissionais – enfermeiros, técnicos e auxiliares
  • Mais de 17 mil casos confirmados
  • 5,5 mil confirmados

 

 

 

Por Nadia Santos

Fonte: Blog do Valente

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar